Controle de risco e Política de voto

Pagina

Controle de risco

Em linha com sua constante preocupação em preservação do capital e em evitar grandes perdas, a AZ Quest desenvolveu uma rigorosa estratégia de proteção com o objetivo de manter a sustentabilidade do negócio.

A gestão avalia e monitora quatro principais riscos: Risco de Mercado, Risco de Liquidez, Risco de Crédito e Risco Operacional. Há um sistema de controle que impõe limites em momentos de stresspara evitar alavancagem excessiva do portfólio, perda de liquidez e drawdown que visa evitar eventos de perdas sucessivas.

Desenvolvido para monitorar os ativos de seu portfólio e as diversas variáveis que envolvem todos os processos de investimentos, um sistema de mensuração de risco preciso e eficiente analisa cada ativo individualmente, por meio de simulações comportamentais que possibilitam a definição de limites de oscilação.

A aderência das carteiras aos mandatos de risco e seu monitoramento contínuo reforça os princípios de preservação de capital e de resultados consistentes no longo prazo. Além disso, para garantir a total autonomia e o poder de enquadramento aos mandatos e às diretrizes de riscos, a área de Gestão de Risco se reporta diretamente ao Comitê de Investimentos.

Política de voto

A Política de Exercício de Direito de Voto em Assembleias está de acordo com a determinação requerida pelo artigo 21, § 2º do Código de Auto-Regulação da ANBID para os Fundos de Investimento. De acordo com o Código, o exercício de direito de voto é atribuição exclusiva do gestor, devendo ser exercido de forma diligente, como regra de boa governança. Mensalmente, a AZ Quest disponibiliza aos cotistas e ao administrador dos Fundos Quest um relatório contendo os votos proferidos no mês, bem como os casos de abstenção, quando há.

Clique aqui para acessar a Política de Proxy Voting   Clique aqui para acessar a Relatório de Proxy Voting   Manual de Boas Práticas

Voltar a Página inicial